Categories: Destaques

Kobe Bryant: o brilhantismo nas quadras virtuais

De forma trágica, no último domingo (26 de janeiro), os fãs da NBA perderam um dos grandes ícones do basquetebol: Kobe Bryant. A lenda, e futuro “hall of famer”, foi vítima de um acidente de helicóptero e faleceu juntamente com a sua filha, Gianna Bryant, e mais sete pessoas.

Kobe era, além de um jogador fenomenal, uma verdadeira celebridade. Aliás, ele foi uma daquelas pessoas que não precisavam ter seus sobrenomes citados, como Oprah, LeBron, Beyoncé… Por conta disso, a morte do ex-jogador foi sentida e todas a homenagens que vieram (e ainda vão vir) na sequência são mais do que justas.

Enfim, como a GamesMAX é um site voltado ao mundo dos games, nosso amigo Wellington “Hokage” resolveu “encomendar” uma homenagem um tanto quanto especial. Isto é, neste post, nós relembraremos a carreira de Kobe Bryant dentro do mundo dos games. Isso mesmo! Iremos relembrar os games em que esse gênio das quadras foi o protagonista… vamos conferir?

Kobe Bryant in NBA Courtside

Desde muito novo, Kobe já era um verdadeiro “superstar”. O jovem novato deu tantas provas do seu talento que acabou chamando atenção da Nintendo. Daí, em 1998, Kobe Bryant in NBA Courtside foi lançado (para o Nintendo 64).

Esse título era um game de basquete muito interessante, com algumas opções de simulação e modos de jogo bem atrativos. Todos os 30 times da NBA foram incluídos no game e contavam com seus elencos completos (por questões adversas, Michael Jordan e Latrell Sprewell não foram incluídos no jogo).

Kobe Bryant in NBA Courtside fez grande sucesso, exatamente por ter em seu título o nome de um novato de 19 anos, que estava “levantando voo” na NBA. E, claro, o sucesso do primeiro game tornou a sequência possível.

NBA Courtside 2: Featuring Kobe Bryant

Em 1999, NBA Courtside 2: Featuring Kobe Bryant surgiu para melhorar o primeiro título da série de forma considerável. Nesse game, Kobe Bryant chegou a participar da produção, realizando seções de captura de movimentos.

O game apresentava todos os times da NBA com os elencos da temporada 1999/2000 e uma série de novidades interessantes. Além disso, mecanismos de inteligência artificial contribuíram para aumentar o realismo das partidas e melhorar (bastante) o gameplay.

NBA Courtside 2: Featuring Kobe Bryant foi um grande jogo de basquete. Enquanto apresentava elementos perfeitos para uma boa simulação, certos modos de jogo proporcionavam uma experiência “Arcade” de grande qualidade. O título brilhou no Nintendo 64, recebeu uma versão para o Game Boy Color e alcançou números capazes de motivar mais uma sequência.

NBA 3 on 3 Featuring Kobe Bryant

Também em 1999, a Nintendo resolveu criar uma versão do game NBA Courtside 2: Featuring Kobe Bryant para o Game Boy Color e foi assim que nasceu esse “spin-off” chamado NBA 3 on 3 Featuring Kobe Bryant.

Como o título sugere, o game é marcado por confrontos entre times de três jogadores e muitos dos destaques do “título inspirador” foram incluídos no gameplay. Logicamente, o poder do Game Boy não permitiu que a experiência fosse tão boa quanto no Nintendo 64.

De todo modo, o jogo fez muito sucesso entre os proprietários do portátil da Nintendo, chegando a competir com o clássico NBA In the Zone ’99, da Konami (que apresentava outro astro dos Lakers na capa, Glen Rice).

NBA Courtside 2002

No ano de 2002, a franquia NBA Courtside (estrelada por Kobe Bryant) chegou ao seu último capítulo. NBA Courtside 2002, lançado para o GameCube, tratou de levar a série para a sexta geração de consoles… e não fez feio.

O game seguiu o padrão estabelecido nos títulos anteriores e apenas adicionou elementos para poder aproveitar o poderio do GameCube. Apesar das otimizações, alguns sistemas novos, como o sistema de skills, não agradaram muito os players.

Mesmo assim, NBA Courtside 2002 foi um excelente game de basquete, com uma física apurada e elementos de simulação bastante realistas. Obviamente, o game é um pouco mais especial, pois o último a ter Kobe Bryant como a grande estrela.

Descanse em paz, Kobe Bryant

Bem, acaba aqui a nossa singela homenagem. Embora os games citados tenham garantido muitas emoções para muita gente, tenho certeza de que os fãs da NBA preferem guardar em suas memórias as jogadas brilhantes do lendário Kobe Bryant.

Para encerrar, deixo aqui as minhas condolências às famílias de todas as vítimas. Que todos, assim como o icônico Kobe Bryant, possam descansar em paz…

Advertisement
Yohan Bravo

Gamer desde a era do Super Nintendo. Soprava as fitas para fazê-las funcionar! Teresopolitano, escritor fantasma, desenhista e romancista nas horas vagas. Curte animes, jogos de RPG (ama a série Tales of) e é viciado em aprender.

Tags: Artigos

Notícias recentes

Watch Dogs 2 está de graça na loja da Epic

De hoje (17) até o dia 24 de setembro, mais três ótimos jogos estão disponíveis…

1 semana atrás

Prince of Persia: The Sands of Time Remake é revelado oficialmente

Ele está de volta! Após 10 anos sem aparecer em jogos principais, a Ubisoft anuncia…

2 semanas atrás

PS5 pode ser lançado em 19 de novembro

Com a Microsoft tendo finalmente revelado os preços e detalhes de lançamento do Xbox Series…

2 semanas atrás

Confira o trailer de Call of Duty: Black Ops Cold War

Call of Duty: Black Ops Cold War acaba de ganhar o trailer de revelação que…

1 mês atrás

Bolsonaro utiliza tema de Super Mario, Sonic e Alex Kidd em propaganda política

2020 está cada vez mais estranho e, como se a pandemia da COVID-19 não bastasse,…

1 mês atrás

Rumor: novo Perfect Dark é o projeto da The Initiative

A The Initiative é um novo estúdio construído pela Xbox Game Studios para trabalhar em…

1 mês atrás