Comissão aprova proposta de isenção de impostos para Jogos e Consoles fabricados no Brasil

A indústria dos games no Brasil acaba de dar início a uma longa caminhada rumo a sua consolidação em Território Nacional. A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania (CCJ), do Senado Federal, aprovou a Proposta de Emenda à Constituição que visa garantir a isenção de impostos para jogos e consoles fabricados no Brasil.

A proposta agora está a caminho do plenário, rumo à votação. Caso a aprovação seja concedida, jogos e consoles fabricados no Brasil não poderão ser taxados por municípios e estados. E isso, claro poderá reduzir consideravelmente os custos de produção.

O relator da PEC, Telmário Mota, deu seu parecer pontuando que os impactos negativos da isenção serão compensado pela riqueza que o próprio setor irá gerar.

“Estamos seguros de que a imunidade, embora tenha impacto sobre a arrecadação específica dos impostos dispensados, no contexto geral, vai promover um incremento de arrecadação de tal monta que o saldo será positivo para os entes federativos”, declarou o Senador.

Em suma, em tempos de discussão acerca da violência nos jogos, é bom ouvir notícias promissoras, não é mesmo?

Yohan Bravo